uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Santarém celebra 150 anos da elevação a cidade
Apresentação do programa esteve a cargo de Ricardo Gonçalves e Inês Barroso

Santarém celebra 150 anos da elevação a cidade

Início das comemorações está marcado para a manhã de 24 de Dezembro, véspera de Natal.

Edição de 26.12.2018 | Cultura e Lazer

A Câmara de Santarém apresentou o programa de comemorações da elevação dos 150 anos de Santarém a cidade, efeméride que se assinala no dia 24 de Dezembro, mas que vai ser celebrada ao longo de 2019 com outras iniciativas. A apresentação esteve a cargo de Ricardo Gonçalves, presidente da Câmara de Santarém, e de Inês Barroso, vice-presidente da Câmara de Santarém.
As cerimónias do dia 24 de Dezembro começam pelas 10h30, com o hastear da bandeira na Praça do Município, numa cerimónia que conta com uma guarda de honra pelos Bombeiros Municipais de Santarém, e em que participa o executivo municipal. Foram também convidados os presidentes das juntas de freguesia do concelho, antigos eleitos locais, figuras ilustres do concelho e a população em geral.
Entre as 10h30 e as 13h00, será feita uma recriação histórica, nas ruas da cidade, durante a qual figurantes, vestidos à época, vão entregar aos munícipes o Decreto de Elevação de Santarém a Cidade, por alvará de 24 de Dezembro de 1868, referendado pelo rei D. Luís I, e assinado pelo Marquês de Sá da Bandeira - um dos mais ilustres filhos da terra e que ali se encontra sepultado - e pelo Bispo de Viseu.
Em paralelo, às 11h00, na Casa do Brasil, será feita uma visita à exposição “Sá da Bandeira – Filho da Vila, Pai da Cidade”, que assinala o nascimento de Bernardo de Sá Nogueira de Figueiredo, 1.º Marquês de Sá da Bandeira, que pode ser vista até Março.
A iniciativa, que conta com a colaboração da Academia Militar, de Pedro de Sá Nogueira, familiar de Bernardo de Sá Nogueira de Figueiredo, e do arquitecto Carlos Guedes de Amorim e da ACES – Associação Comercial e Empresarial de Santarém, na cedência de espólio, pretende abordar a figura do Marquês de Sá da Bandeira, sob o ponto de vista do homem, do militar e do estadista, mas também do antiesclavagista, um dos aspectos porventura menos conhecidos deste histórico escalabitano.
A exposição apresenta objectos pessoais, bibliografia diversa, artes plásticas (pintura, escultura e gravura), fotografia e numismática. Conta também com uma vertente multimédia, com a exibição de apresentações e filmes ligados ao contexto histórico e à vida e obra de Sá da Bandeira.
As comemorações prosseguem no dia 19 de Março, feriado municipal,com a inauguração da exposição “Urbanidade - 150 anos de Elevação de Santarém a Cidade (de 1868 a 2018)”, que dá lugar a uma intervenção composta por estruturas modelares, distribuídas ao longo de seis lugares icónicos da Cidade: Jardim da Porta do Sol, Praça Visconde Serra do Pilar, Rua Serpa Pinto, Praça Sá da Bandeira, Jardim da República e Jardim da Liberdade. Os conteúdos contextualizam a alteração histórica e urbanística destes lugares.

Santarém celebra 150 anos da elevação a cidade

Mais Notícias

    A carregar...