uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Jovem atleta Tomar perdeu a luta contra o cancro
foto DR Diogo Adrião

Jovem atleta Tomar perdeu a luta contra o cancro

Diogo Adrião foi recordado com um minuto de silêncio no jogo de hóquei em patins entre o Sporting de Tomar e o Valongo, no passado sábado.

Edição de 26.12.2018 | Sociedade

Diogo Adrião, um menino de 12 anos, atleta da equipa de infantis da Escola de Futebol de Tomar, não resistiu ao cancro e faleceu no dia 11 de Dezembro no Hospital da Estefânia, em Lisboa. Diogo residia com os pais no Entroncamento e foi sepultado no dia 12 de Dezembro no cemitério da Madalena, no concelho de Tomar.
Na sua página na rede social Facebook, a Escola de Futebol de Tomar comunicou o falecimento do seu atleta, guarda-redes da equipa infantis A, e deixou a seguinte mensagem: “A direcção da EFTA, todos restantes órgãos sociais e toda a família Escola Tomar juntam-se a dor dos seus pais Olga e Felipe e restante família neste momento de dor e consternação! Jamais serás esquecido campeão! Até já Diogo”.
Essa foi uma das muitas manifestações de pesar tornadas públicas nos últimos dias, após se ter tido conhecimento do triste desfecho. O Sporting de Tomar, de quem o jovem era adepto, pediu autorização à Federação de Patinagem de Portugal para ser guardado um minuto de silêncio antes do jogo de hóquei em patins entre o Sporting de Tomar e a AD Valongo, realizado na tarde de sábado, 15 de Dezembro, em Tomar. Pedido que foi aceite. “Com o respeitar de um minuto de silêncio, pretendemos não só homenagear o nosso querido Diogo, como também todas as crianças que infelizmente são vítimas de cancro”, disse o Sporting de Tomar em comunicado.

Jovem atleta Tomar perdeu a luta contra o cancro

Mais Notícias

    A carregar...