uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
“Durante a semana só temos a certeza que vamos estar juntos no Conselho de Ministros”
Ana Paula Vitorino e Eduardo Cabrita, ministros do Mar e da Administração Interna, respectivamente

“Durante a semana só temos a certeza que vamos estar juntos no Conselho de Ministros”

Ministro da Administração Interna esteve a aplaudir a esposa, ministra do Mar

Edição de 27.02.2019 | Personalidades do Ano

O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, esteve presente na entrega dos prémios Personalidade do Ano, não na qualidade de governante mas de acompanhante da esposa, a ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, que foi considerada Personalidade do Ano - Política Feminino.
Eduardo Cabrita confessou a
O MIRANTE que, por serem ministros de áreas diferentes e com agendas diferentes faz com que o casal nem sempre consiga ter tempo para si e que é normal um ou outro chegar a casa, em Almoster, Santarém, a horas muito desencontradas. “A única altura da semana em que temos quase a certeza de que nos vamos encontrar são as manhãs de quinta-feira, porque é nessa altura que decorre o conselho de ministros”, diz.
Interrogado sobre quem manda numa casa com dois ministros, explica que a gestão é comum e que são ambos cooperativos. “Recordo que antes de ser ministro da Administração Interna fui ministro da Igualdade”, afirma, bem disposto, acrescentando que apesar de terem pouco tempo para cozinhar a ministra cozinha muito melhor que ele.
Em casa tentam evitar falar de trabalho mas o ministro da Administração Interna confessa que nem sempre é fácil conseguir esse objectivo. No entanto, tentam garantir o sigilo do que cada um vai abordar nas reuniões do conselho de ministros.
Para Eduardo Cabrita a presença na cerimónia de entrega de prémios de
O MIRANTE, em que a sua esposa foi distinguida e que se realizou no dia 14 de Fevereiro, acabou por ser incluída nas celebrações, do Dia dos Namorados. “No fim aproveitamos para jantar juntos e colocarmos a conversa em dia”, conta.
À mesma hora da cerimónia jogava o Sport Lisboa e Benfica para a Liga Europa. Questionado se lhe iria custar estar sem saber o resultado do jogo admitiu que não. “Isso não me perturba, sou do Barreirense”, afirmou, soltando uma gargalhada. “Não sofro desse mal”, concluiu.

“Durante a semana só temos a certeza que vamos estar juntos no Conselho de Ministros”

Mais Notícias

    A carregar...

    Capas

    Assine O MIRANTE e receba o Jornal em casa
    Clique para fazer o pedido

    Destaques