uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Projecto de internamento de doentes em casa alargado a Almeirim e Cartaxo
Equipa de apoio à hospitalização domiciliária é composta por 15 profissionais

Projecto de internamento de doentes em casa alargado a Almeirim e Cartaxo

Serviço do Hospital de Santarém começou há um mês e já presta cuidados a dez doentes. A hospitalização domiciliária tem vantagens em termos de segurança e conforto, reduzindo os riscos de infecções hospitalares.

Edição de 14.08.2019 | Sociedade

O Hospital Distrital de Santarém vai alargar o projecto de hospitalização domiciliária aos concelhos de Almeirim e Cartaxo. O projecto, que consiste na prestação de cuidados em casa do doente em vez de estar na enfermaria do hospital, começou há um mês apenas no concelho de Santarém.
A adesão ao projecto tem sido positiva e acima das expectativas, tendo até ao momento criado alternativa ao internamento convencional a dez doentes. O alargamento a Almeirim e Cartaxo visa possibilitar o acesso a esta alternativa de maior conforto e segurança a um maior número de utentes, refere a administração do hospital.
A equipa de hospitalização domiciliária do Hospital Distrital de Santarém começou a funcionar a 28 de Junho com três utentes. A equipa é composta por quinze profissionais, dos quais quatro são médicos e seis são enfermeiros. Este serviço tem vantagens em termos de segurança e recuperação do doente, já que evita estar num ambiente de risco de infecções hospitalares.
Este tipo de serviço começou no Hospital Garcia de Orta e no distrito de Santarém foi iniciado pelo Centro Hospitalar do Médio Tejo (hospitais de Abrantes, Tomar e Torres Novas) no final do ano passado.

Projecto de internamento de doentes em casa alargado a Almeirim e Cartaxo

Mais Notícias

    A carregar...