uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Polícia ribatejano é um ás do pedal
Fernando Correia

Polícia ribatejano é um ás do pedal

Pedro Garcia começou pelo futebol, no União de Almeirim, mas acabou por se dedicar ao ciclismo integrando a Associação 20kms Almeirim. Há três semanas, o agente da PSP em Vila Franca de Xira venceu a muito difícil e popular Subida à Glória, em Lisboa.

Edição de 12.10.2016 | Desporto

Pedro Garcia, 30 anos, natural de Marianos (concelho de Almeirim) e polícia de profissão em Vila Franca de Xira, foi notícia recentemente por, à segunda tentativa, ter vencido a Subida à Glória. Uma prova de ciclismo que se realiza anualmente na Calçada da Glória e que consiste em subir a acentuada rampa que liga a Baixa de Lisboa (Praça dos Restauradores) ao Bairro Alto (Jardim de São Pedro de Alcântara).
Pedro sempre gostou da actividade desportiva, embora a bicicleta seja uma paixão recente. Primeiro andou pelo futebol nas camadas jovens do União de Almeirim, mas a sua profissão de polícia fê-lo mudar de residência para Alverca e a partir desse momento ficou sem tempo para os treinos de futebol.
Como nunca foi homem de ficar quieto seguiu o conselho do seu tio para experimentar a bicicleta. Deu-se bem com aquele desporto e à segunda tentativa venceu a Subida à Glória, no dia 24 de Setembro. “Foi um dia muito emocionante. No ano passado já tinha tentado, fiquei em 4º lugar e este ano preparei-me melhor com o objectivo de baixar o tempo e acabei por ganhar. É uma prova entusiasmante e com uma envolvência a nível de público como nunca tinha visto”, conta o ciclista a O MIRANTE.
Pedro é federado há três anos, faz parte da equipa Associação 20kms Almeirim/Restaurante O Forno mas treina sozinho. “Cada vez tenho menos tempo para os treinos devido ao trabalho intenso. Como não tenho nenhum preparador físico nem treinador, porque isso é caro, faço os meus próprios treinos com a minha experiência”, diz. O polícia faz entre três a quatro treinos semanais o que representa cerca de 14 horas. No trabalho também usa a bicicleta porque “quando está bom tempo fazemos patrulhas de bicicleta”, diz.
Sempre que pode regressa ao concelho de Almeirim, onde tem os seus amigos e família. “Serve para acalmar do stress profissional”, diz. Já o desafiaram para voltar ao futebol a nível distrital e para o campeonato do INATEL mas para Pedro “as coisas têm que ser feitas a sério”. O polícia diz gostar muito do convívio mas “conhaque é conhaque e trabalho é trabalho e não tenho muito tempo. Na bicicleta dependo só de mim”, confessa.
Pedro Garcia considera-se um atleta. “Gostava de ser profissional mas em Portugal é difícil viver só do desporto”, lamenta. “Para o ano vou voltar à Subida da Glória para defender o título”, garante.

Polícia ribatejano é um ás do pedal

Mais Notícias

    A carregar...